Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Café Literário com autor consagrado reúne 60 pessoas na Casa de Cultura Brasil-Angola

O escritor angolano José Luís Mendonça foi o convidado do Café Literário, que aconteceu em março, na Casa de Cultura Brasil – Angola. O convidado fez uma abordagem sobre “Literatura anti-colonial e consciência social pós-modernista”, por meio da releitura e discussão da trilogia de contos Luuanda, de Luandino Vieira.

Publicado em 1965, o livro foi considerado inovador por ter rompido com a norma literária portuguesa, quando Angola ainda era colônia de Portugal. O tema visou celebrar a obra pela passagem do cinquentenário da sua controversa publicação. 

Criado em 2010, o Café Literário chegou à sua 16ª edição. Cerca de 60 pessoas participaram do debate, entre as quais a escritora Maria Celestina Fernandes e a diretora do Instituto Camões, Teresa Mateus.

Na ocasião, o autor falou também sobre seu romance “O reino das casuarinas”, lançado recentemente. Escritor prestigiado, José Luís Mendonça é jornalista e Licenciado em Direito pela Universidade Católica de Angola.

Mendonça faz parte da “Geração das Incertezas”, expressão designada ao conjunto de jovens que se iniciou na literatura no início dos anos 80. Membro da União de Escritores Angolanos, ele publicou alguns livros de poesia, um conto e um romance.

Escritor angolano José Luís Mendonça

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página