Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Leitorado ajuda aluna de português a ganhar primeira colocação em prêmio na república Tcheca

Foi realizado em março de 2015, na Universidade Carolina de Praga, a entrega de prêmios da XX edição do Prêmio Ibero-Americano (PIBAM). A honraria, que ocorre há 20 anos consecutivos, é atribuída ao melhor trabalho escrito em português ou espanhol por aluno de graduação de universidade tcheca. Sua criação teve o propósito de incentivar o estudo da cultura, história, tradições e costumes Ibero-americanos.

Na última edição, 20 trabalhos foram elaborados por estudantes de cinco diferentes instituições de ensino superior tchecas.  A primeira colocação foi para o trabalho redigido em português, com o assunto "Sou eu o responsável por meu irmão? Ou Caim segundo Saramago: A transformação do anti-herói bíblico no herói literário", de Barbora Kosinová. Os trabalhos tratam de temas diversos, que foram da economia à literatura, da sociologia à linguística, e da política à pesquisa histórica.

O evento contou com a presença de Marcel Chládek, Ministro da Cultura, Juventude e Esporte da República Tcheca e do vice-reitor da Universidade Carolina, Martin Kovar. Estudiosos e interessados nas línguas portuguesas e espanholas também participaram.

O vice-reitor enfatizou em seu discurso, na entrega do prêmio, a cooperação mantida com as Embaixadas ali representadas, como o esforço conjunto de promover os estudos hispânicos e luso-brasileiros na República Tcheca, além da tradição criada pelo PIBAM que incentiva diversas áreas de estudo. A vitória da redação escrita em português está associada à presença da Leitora brasileira, Graziela Kronka, na Universidade Carolina de Praga, desde 2013.

 

 Barbora Kosinová, ganhadora da XX edição do Prêmio Ibero-Americano (PIBAM)

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página