Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Rede Brasil Cultural homenageia Tom Jobim, nos 20 anos de sua morte

Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim – ou simplesmente Tom Jobim – um dos maiores compositores brasileiros de todos os tempos, cantor, pianista, violonista, foi talvez o mais importante divulgador da música brasileira no exterior.

Considerado um dos papas da Bossa Nova, ficou famoso nos Estados Unidos, quando o saxofonista Stan Getz e o guitarrista Charlie Byrd gravaram, em 1962, o LP "Jazz Samba".No ano seguinte, Tom liderou um show no Carnegie Hall onde músicos brasileiros cantaram "Garota de Ipanema", parceria sua com odiplomata, poeta e letrista Vinícius de Moraes.

Do encontro entre Vinicius e Tom nasceria uma das mais criativas e talentosas parcerias da música brasileira. Além de "Garota de Ipanema", talvez o maior clássico da MPB, os dois compuseram entre outras "Se Todos Fossem Iguais a Você", "Um Nome de Mulher", "A Felicidade", "Chega de Saudade", "Eu sei que vou te amar" e "Insensatez".

Outro parceiro importante do Tom foi Chico Buarque de Holanda. Com Chico, Tom criou obras-primas da música brasileira, como "Retrato em Branco e Preto", "Sabiá", "Anos Dourados", "Sei Lá",e muitas outras.

Em 1967, Tom gravou com Frank Sinatra, "Francis Albert Sinatra &Antonio Carlos Jobim", disco que foi indicado para o Grammy de Álbum do Ano. Frank e Tom perderam o prêmio para um concorrente de peso, o álbum "Sgt. Pepper'sLonelyHearts Club Band", considerado pela crítica especializada o melhor discodos Beatles.

Nascido em 25 de janeiro de 1927 no bairro da Tijuca, no Rio de Janeiro, Tom mudou-se com a família para Ipanema, onde foi criado e onde compôs a maioria de suas músicas. Ele morreuem 8 de dezembro de 1994.

Veja abaixo vídeo do encontro de Tom com Sinatra, em 1967, quando cantaram juntos algumas canções, entre elas The Girl from Ipanema
(Clique aqui).

Veja também Anos Dourados, parceria de Tom com Chico Buarque (Clique aqui).

Veja ainda programa especial gravado na Itália para uma TV local, em outubro de 1978, que reuniu Tom e Vinícius de Moraes (Clique aqui).

Confira a homenagem publicada pela Folha On-Line: http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2014/12/1559023-opiniao-tom-jobim-fez-obras-delicadas-para-pais-destinado-a-ser-feliz.shtml

 

20 anos sem Tom Jobim, uma homenagem da Rede Brasil Cultural

 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página