Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

II Encontro dos Diretores de Centros Culturais em Lima

Escrito por Matheus Félix | Publicado: Quinta, 26 Dezembro 2019 19:32
imagem sem descrição.

 

Entre os dias 16 e 20 de dezembro, ocorreu em Lima o segundo encontro de diretores de Centros Culturais Brasileiros – CCBs. O encontro na capital peruana serviu para a redefinição de práticas culturais e pedagógicas, bem como a apresentação das novas diretrizes que ajudarão a modernizar a administração da Rede Brasil Cultural para os próximos anos.

É a segunda vez em 65 anos de história dos Centros Culturais que acontece uma reunião dessa natureza. Nessa edição, participaram representantes de 22 CCBs, sediados em Assunção, Barcelona, Bissau, Buenos Aires, México, Georgetown, Helsinque, Lima, Luanda, Maputo, Nicarágua, Panamá, Paramaribo, Porto Príncipe, Praia, Pretória, Roma, Santiago, São Domingos, São Salvador, São Tomé e Tel Aviv, e professores dos Núcleos de Estudos Brasileiros no Uruguai, de Artigas e Rio Branco.

O Embaixador do Brasil no Peru Rodrigo Baena Soares abriu o evento na Embaixada, acompanhado do chefe de gabinete do chanceler peruano, ministro Alejandro Neyra, e de Ulla Holmquist, diretora do Centro Cultural Peruano Inca Garcilaso. O Embaixador Baena Soares agradeceu à Rede Brasil Cultural por escolher Lima para sediar o encontro, e também discorreu sobre as ações culturais levadas a cabo pela Embaixada, além de destacar a importância das atividades dos CCBs como vetores de promoção da cultura brasileira e da língua portuguesa. 

Os convidados peruanos saudaram a iniciativa brasileira e expressaram o desejo de explorar possíveis parcerias entre o Centro Cultural Inca Garcilaso e instituições culturais brasileiras, particularmente na perspectiva das celebrações dos bicentenários de Independência dos dois países nos próximos anos.

O diplomata brasileiro Bruno Zétola, representante da Secretaria de Comunicação e Cultura - SECC, do MRE, apresentou as perspectivas para a diplomacia cultural brasileira em 2020 e a metodologia de trabalho do encontro, que foi dividido em três módulos: ensino de português, literatura e cultura e administração, este último ministrado pelo oficial de chancelaria Paolo Torrecuso.  Os módulos foram desenvolvidos ao longo da semana, durante o encontro.

Ao longo da semana, foram ministradas oficinas sobre as novas práticas administrativas aos diretores, que também receberam orientações sobre o ensino de Português para Estrangeiros, oferecidas pelo prof. Nelson Viana, da Universidade Federal de São Carlos – UFSCar, e sobre a utilização da literatura brasileira nas salas de aula e nas bibliotecas, no módulo “Literatura e Cultura”, dado pelo prof. Alexandre Pilati, Universidade de Brasília - UnB.

 

Diretores, diplomatas e professores se reuniram em prol da divulgação cultural

registrado em: ,
Assunto(s): CCBs
Fim do conteúdo da página