Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Um "pedacinho" da língua portuguesa na Malásia chamado Papiá Cristang

Também conhecido como Português Malaká, o Papiá Cristang é uma língua crioula de base portuguesa, resultante do contato entre os portugueses que viveram na cidade malásia de Malaca a partir do século XVI e as línguas locais, em particular, o malaio. O idioma, que atualmente encontra-se ameaçado de extinção, é falado principalmente pela comunidade de descendentes de portugueses na região conhecida como "Portuguese Settlement", em Malaca, mas, também, pela diáspora dessa mesma comunidade.

Como parte do programa "UMCARES", a Universidade de Malaia realizou, no dia 18 de fevereiro de 2017, a publicação de um livro didático do idioma Papiá Cristang, com o objetivo de incentivar trabalhos e pesquisas que geram algum retorno à sociedade.

A elaboração da obra contou com a participação da professora brasileira Angela Satomi Kajita, que morou por vários anos na Malásia, e que foi importante colaboradora da Embaixada do Brasil no país em temas relacionados à comunidade brasileira e ao ensino da língua portuguesa.

A cerimônia de lançamento foi conduzida pela Sra. Rebecca Fatima Sta Maria, ex-secretária Geral do Ministério da Indústria e do Comércio Internacional da Malásia e falante nativa do Papiá Cristang.

 

 

                                                                                                            

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página