Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Leitorado em Bolonha, Itália

A Rede Brasil Cultural mantém leitorado na Itália, conduzido pela leitora Maria Aparecida Rodrigues Fontes, que exerce suas funções junto à Universidade de Bolonha. A Embaixada do Brasil em Roma acompanha suas atividades à frente do leitorado.

Ao longo do último ano leitvo (2012/2013), foram realizados eventos sobre literatura, poesia e cinema. Destacaram-se a aula inaugural dos cursos de Língua Portuguesa e Literatura e um colóquio com o professor e historiador Ivan Alves Filho, que falou sobre cultura brasileira durante a ditadura e sobre a poesia de Ferreira Gullar. Na ocasião, foi apresentado documentário sobre o poeta brasileiro, seguido de comentários e debates. A realização destes e de outros eventos tem contribuído para significativo aumento de alunos interessados em aprender a língua portuguesa falada no Brasil, oriundos não apenas do curso de Letras, mas, também de outras áreas, como Antropologia, Medicina e Engenharia. Segundo a leitora, houve um aumento de mais de 40% no último ano acadêmico.

Entre outros eventos realizados, cabe destacar o colóquio "Histórias e Literaturas", com a presença da professora Luiza Lobo (UFRJ), que, em fevereiro de 2012, durante conferência sobre a história do café no Brasil, apresentou o livro "Terras Proibidas: A saga do café no Vale do Paraíba do Sul", de sua autoria. No dia 18 de outubro, a Embaixada do Brasil em Roma, a Fundação Brasil-Itália (FIBRA) e o Departamento de Língua Portuguesa e Brasileira da Universidade de Bolonha promoveram o Projeto Escritor Visitante, com a participação de Milton Hatoum, um dos principais nomes da literatura brasileira contemporânea.

ccb

Mais recentemente, entre 13 e 17 de maio de 2013, no âmbito do Seminário Permanente de Língua Portuguesa, o professor Marcos Bagno ministrou minicursos cujos títulos eram "Por que uma gramática brasileira?" e "Didática do Português Brasileiro como língua materna". O programa do seminário também foi marcado por laboratório de escritura, oficina de tradução e apresentação da "Gramática de Bolso do Português Brasileiro", de Marcos Bagno, que participou de tarde de autógrafo. A conferência de encerramento, no dia 17 de maio, versou sobre o Acordo Ortográfico ("L'Accordo Ortografico allo Specchio: quem, afinal, se reconhece nele?").

A memória de Oscar Niemeyer foi homenageada pela leitora em dezembro de 2012. Após palestra sobre a vida e a obra do arquiteto, foi exibido, no âmbito de festival de cinema realizado na Universidade de Bolonha, o documentário "O Construtor de Sonhos", sobre o arquiteto. Outros filmes brasileiros exibidos foram "Ilha das Flores", de Jorge Furtado, "Central do Brasil", de Walter Salles, e documentário inspirado na obra de Darcy Ribeiro.

Conheça a
Universidade de Bolonha

Veja as fotos aqui

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página