Portal do Governo Brasileiro

Pular navegação e ir direto para o conteúdo

O publico infantil do Centro Cultural Brasil-Itália (CCBI) recebeu com muito entusiasmo, nos dias 20 e 27 de maio e em 10 de junho de 2017, a oficina de percussão infantil "Construindo o Som", organizada pelo próprio CCBI, com a participação do músico Stefano Rossini. O artista apresentou técnicas de construção de instrumentos musicais e execução de ritmos afro-brasileiros. Os encontros iniciaram-se com exposição teórica e exibição de vídeos sobre ritmos e seus instrumentos percussivos característicos. Diversos instrumentos, como tamborim triângulo e chocalho, foram disponibilizados para os participantes, que tocaram, em grupo, sob a condução de Rossini, ritmos como o samba, o maracatu e o afoxé.   Participaram da oficina 14 crianças inscritas no curso de Português como Língua de Herança (POLH) do CCBI, as quais foram presenteadas com os instrumentos por elas construídos.       
Dez crianças portadoras de síndrome de Down estiveram no centro de projeto do Centro Cultural Brasil-Líbano (CCBL), nos dias 5 e 12 de julho de 2017, em parceria com a associação "Al Majal", organização não governamental libanesa que trabalha com pessoas especiais.  No primeiro dos encontros, sob a orientação de Mireille Abboud, especialista em atividades para pessoas com dificuldades motoras, cognitivas e de percepção, foram realizados experimentos interativos para conscientização sobre a importância da higiene pessoal. Também as crianças assistiram a apresentação de imagens do Brasil e responderam questionários sobre a cultura brasileira. No segundo encontro, a artesã Katia Awar distribuiu desenhos dos personagens do "Sítio do Picapau Amarelo" entre os participantes, para que fossem coloridos e vestidos pelas crianças. E no final do evento, as crianças, instruídas pela artista brasileira Naima Yazbeck, dançaram ao som de ritmos típicos do

Alunos e professores do Centro Cultural Brasil-Itália (CCBI) foram convidados, no dia 21 de junho de 2017, a recitar textos e poemas de autores lusófonos, durante o "Sarau de Literatura Lusófona", realizado pelo próprio CCBI. O evento teve início com as saudações do Chefe do Setor Cultural da Embaixada do Brasil em Roma, Secretário Alexandre Siqueira Gonçalves, seguido por apresentações de canções de Tom Jobim pelo grupo vocal ítalo-brasileiro 'Coro Aquarela", regido pelo maestro italiano Giorgio Monari. A programação continuou com leitura de conto do moçambicano Antônio Carneiro Gonçalves e de poesias de autores brasileiros como Carlos Drummond de Andrade, Adélia Prado de Freitas e Patativa do Assaré. Também foi lida narrativa inspirada pelo bailado "Uirapuru" do compositor brasileiro Heitor Villa-Lobos,  acompanhada de imagens e  vídeos sobre o músico. Por fim, foram declamados poemas de autoria de professores do CCBI.

Incentivando o programa "Cultura Brasileira nas Escolas", no dia 20 de junho de 2017, o Centro Cultural Brasil-África do Sul (CCBAS) organizou a 2ª palestra interativa sobre o Brasil para os alunos da escola primária "Glenstantia", localizada no bairro Waterkloof Glende, em Pretória. Graças ao evento os estudantes puderam conhecer as características demográficas, territoriais, politicas e folclóricas (festivais populares, culinária, música, dança e esporte) do Brasil.
Ocorreu, no dia 8 de julho de 2017, nova sessão do projeto "Conta Contos", no Café Literário Bustamante, no bairro de Providencia. Dessa vez, as contadoras Anna Magdalena Machado Bracher, também diretora do Centro Cultural Brasil-Chile (CCBRACH), e Margarita Reyes Olguín recitaram, por meio de versão ilustrada, o conto "O planeta Lilás", de Ziraldo, e o conto chileno "A fuga da torta", que foi relatado em forma de teatro portátil. Na sequência, as crianças criaram mascaras alusivas ao livro de Ziraldo.                                                                                                                       

O Centro Cultural Brasil-Itália (CCBI) recebeu, de 12 a 15 de junho de 2017, o historiador brasileiro Sidney Chalhoub, da Universidade de Harvard, que ministrou o curso "Trabalho e Gênero em Machado de Assis" para  alunos do Centro Cultural e pesquisadores das áreas de literatura e ciências humanas. O curso, idealizado como atividade extracurricular na semana de encerramento do ano letivo do CCBI, foi dividido em três módulos: Mundos do Trabalho em "Memórias Póstumas de Brás Cubas", O mundo de Sofia em "Quincas Borba" e "Mundos Femininos em Contos Machadianos".     Mundos do Trabalho em "Memórias Póstumas de Brás Cubas": https://www.youtube.com/watch?v=yxZpCTCXGkE&index=1&list=PLkLdj6pxzj7q2e24B9lZJkDEoUzyOEeTd O mundo de Sofia em "Quincas Borba": https://www.youtube.com/watch?v=zmX7nNDMo8c&index=2&list=PLkLdj6pxzj7q2e24B9lZJkDEoUzyOEeTd "Mundos Femininos em Contos Machadianos": https://www.youtube.com/watch?v=X1IzfvO1MG8&index=3&list=PLkLdj6pxzj7q2e24B9lZJkDEoUzyOEeTd