Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

CCB-Cabo Verde no combate ao abuso de crianças

O Centro Cultural Brasil-Cabo Verde (CCB-CV), em parceria com o Instituto Cabo-Verdiano da Criança e do Adolescente (ICCA), realizou, na semana de 8 a 11 de março, a campanha «Bonecas contra a violência», com vistas a combater o abuso sexual de menores. O projeto consiste em capacitar artesãs locais para produzir bonecos de pano que serão doados a crianças e adolescentes vítimas de violência sexual.

Trata- se de atividade que, a um só tempo, desperta a atenção da sociedade cabo-verdiana para o tema, aprimora as habilidades das artesãs locais e estende um gesto de afeto aos menores em situação de vulnerabilidade.

A atividade ocorreu nas dependências do CCB-CV e foi conduzida pela artesã brasileira Fabiana Couto, residente nesta Capital. A oficina foi gratuita para todas as interessadas.

Fabiana Couto compartilhou com as participantes da oficina diversas técnicas de trabalho em tecido necessárias para a produção dos bonecos. As alunas que concluíram a oficina foram plenamente capacitadas para replicar o que aprenderam em criações próprias, o que lhes permitirá explorar novas fontes de renda.

O material produzido na oficina será doado proximamente ao Centro de Emergência Infantil da Achada de Santo Antônio, que acolhe menores vítimas de violência e abuso. Foram confeccionadas bonecas para as meninas e palhaços para os meninos.

De acordo com as educadoras do Centro, os bonecos exerceriam um papel afetivo importante para a saúde psicológica dessas crianças, que não podem contar com o suporte da mãe ou do pai, algumas vezes os próprios perpetradores da violência. A atividade contou com ampla cobertura da imprensa local.

 

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página